O dia

Vilhenenses protestam contra aumento da energia; empresa emite nota

Na tarde desta sexta-feira, 15, várias pessoas protestaram em frete a loja da Eletrobras de Vilhena contra o aumento na conta de energia. Com faixas e cartazes nas mãos os vilhenenses mostraram toda a sua indignação contra o aumento na tarifa de energia.

O protesto foi liderado pelo vilhenense Sérgio Moraes, que também é autor do abaixo-assinado virtual “Rondônia contra o reajuste da tarifa de energia elétrica” que já conta com 38 mil apoiadores.

“Dia 19 de dezembro, a justiça expediu uma liminar com suspensão do aumento da tarifa. Contudo, dia 15 de janeiro um desembargador cassou a liminar e autorizou o aumento. Essa luta ainda não acabou estamos protestando para mostrar nossa indignação contra o reajuste da tarifa de energia elétrica no estado de Rondônia pela empresa Energisa”, salientou Sérgio Moraes.

Por conta das reclamações pelo aumento da tarifa de energia, a empresa Energia, concessionária de energia em Rondônia, emitiu uma nota esclarecendo que a cobrança que os consumidores estão recebendo não ultrapassa R$ 25 e ainda que, neste ano, vai investir R$ 470 milhões em melhorias da rede de distribuição.

Confira a nota na íntegra:

Em cumprimento à decisão do Tribunal Regional Federal da Primeira Região (TRF1) que suspendeu a liminar que impedia o reajuste na tarifa de energia em todo o estado de Rondônia, a Ceron informa que, a partir de 16 de janeiro, os clientes estão recebendo a fatura de energia elétrica com o reajuste calculado e divulgado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), em 13 de dezembro de 2018.

Apenas nesta fatura está contabilizado o consumo referente ao período em que a liminar esteve em vigor – de 21 de dezembro/2018 a 16 de janeiro/2019. Para cerca de metade dos clientes, esse valor não ultrapassa R$ 25. A decisão da justiça federal preserva e respeita a legislação vigente do setor elétrico e está sendo cumprida conforme determinado pela Aneel.

A Ceron informa ainda que, em 2019, vai investir R$ 470 milhões em melhorias da rede de distribuição, reiterando o seu compromisso com a população de Rondônia de oferecer energia segura e de qualidade, contribuindo para o conforto dos seus clientes e com o desenvolvimento econômico da região.

Artigos relacionados

Fechar