Destaque

Homem é preso acusado de filmar partes íntimas de mulheres em público

Esta é a segunda vez que ele é preso sob a mesma acusação

A Polícia Militar (PM) de Vilhena confirmou a prisão de um homem identificado como Arvelino Leme, de 53 anos. Segundo a denúncia, ele estava em um estabelecimento comercial e filmava as parte íntimas de algumas mulheres presentes no local.

Funcionários da empresa perceberam a ação e entraram em contato com os militares. Esta é a segunda vez que Arvelino é preso pelo mesmo crime. Em 2015, ele foi acusado de filmar uma garota de 20 anos em uma lanchonete da cidade.

 

Etiquetas

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Fechar