Destaque

Câmara de vereadores define nesta terça quem serão os vereadores membros da CPI contra Cabeludo e Graebin

Comissão pode se posicionar favorável à cassação de ambos

Acontece na noite desta terça-feira, 10, durante sessão ordinária da câmara de vereadores de Vilhena a escolha da dos parlamentares que irão compor a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que vai conduzir os trabalhos de investigação contra os vereadores Vanderlei Graebin (PSC) e Marcos Cabeludo (PHS).

De acordo com a casa de leis, o procedimento investigatório pode durar até 120 dias com prazo prorrogável por igual período. Os dois vereadores foram denunciados formalmente à câmara de vereadores por conta de um processo no qual figuram como réus, cuja investigação por parte do Ministério Público (MP) durou dois anos para ser concluído.

A denúncia solicitava a instauração de uma comissão processante, cujo pedido era de cassação de mandato. A assessoria da câmara de vereadores, no entanto, opinou no sentido que de o rito (com abertura da comissão processante) não era o correto, logo os vereadores rejeitaram o pedido, mas acataram a criação de uma CPI.

A partir de estabelecidos os vereadores membros da ação, a casa tem 120 dias para analisar o caso e então se posicionar a favor ou contra a cassação dos dois edis, que estão afastados das funções políticas por determinação judicial.

Etiquetas

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar