O dia

PF e Exército prendem 8 por garimpo ilegal em Rondônia

Armas e mercúrio também foram apreendidos

Oito pessoas foram presas pela Polícia Federal (PF), em conjunto com o Exército Brasileiro, ICMBio e Polícia Militar Ambiental, durante a uma operação de fiscalização, que teve como objetivo combater o garimpo ilegal no Rio Madeira, em área pertencente a Unidade de Conservação Parque Nacional do Mapinguari.

Além das prisões em flagrante, os policiais aprenderam armas de fogo, munições e mercúrio. O trabalho dos órgãos estadual e federal têm sido constante no combate aos crimes ambientais em Rondônia.

Todos os presos, foram encaminhados para o presídio Pandinha, onde ficaram à disposição da justiça.

Outras ações

Na noite do dia 8 de julho deste ano, três gerentes de dragas foram presos em flagrante durante uma operação do Batalhão de Polícia Ambiental de Porto Velho, para combater a extração ilegal de ouro na Área de Proteção Ambiental do Rio Madeira.

O Rondoniagora noticiou a presença de dragas ancoradas na margem esquerda do rio que, segundo relatos de moradores, estavam atuando embaixo da ponte no período noturno.

Durante a abordagem, os policiais apreenderam as dragas, equipamentos e maquinários usados na extração de ouro. Somadas as multas chegam a R$ 450 mil.

Fonte
Rondoniagora

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo