O dia

“Pistoleiro” é executado pelas costas depois de pedir cerveja em distribuidora

Uma irmã do rapaz disse que ele estava em Vilhena a passeio há cerca de 30 dias e revelou sua profissão

Um homem identificado como Jairon Terres Silveira, de aproximadamente 33 anos, foi executado a tiros na noite desta sexta-feira, 13, em Vilhena, enquanto bebia em uma distribuidora de bebidas localizada na Avenida Paraná. De acordo com informações de testemunhas, ele chegou ao local em um veículo modelo Uno e pediu uma cerveja após sentar-se.

Um homem ainda não identificado chegou de surpresa, pelas costas da vítima e efetuou os disparos. Dois tiros lhe atingiram a cabeça e um o peito. Jairon morreu no local. Uma mulher que se identificou como irmã da vítima relatou que ele estava em Vilhena a passeio há pelo menos um mês e que morava no estado do Pará. A irmã da vítima relatou que ele trabalhava como pistoleiro.

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo