DestaqueEspecial

Em nota, escola onde garoto com suspeita de coronavírus estuda informa que não irá atender nesta segunda

Profissionais estarão no local para atender os pais que procurarem o colégio

Em uma atitude bastante sensata e profissional, a diretoria da escola Professor Vanks se pronunciou oficialmente acerca do primeiro caso suspeito de coronavírus em Vilhena. A direção informou que o garoto que apresenta sintomas semelhantes aos da doença é aluno da instituição de ensino, que já tomou algumas providências para não gerar nenhum tipo de problema à sua comunidade escolar.

Pelo telefone, o professor-chefe da escola, Vanks Palhano de Macedo, confirmou a informação e relatou que nesta segunda-feira, 16, o colégio não irá abrir as portas, e que uma equipe estará na instituição para orientar os pais que forem até o local. O professor relatou, ainda, que está aguardando a Secretaria Municipal de Educação (SEMED) para adoção do procedimento cabível em relação ao caso. “Ficamos à disposição para outros esclarecimentos torcendo para que não passe de uma gripe comum”, escreveu o professor.

Veja abaixo nota da instituição:

Boa tarde. Estamos torcendo para que os exames  indiquem apenas uma gripe comum em nosso aluno (*** por questões de respeito à família e ao paciente, o site retirou o nome dele que constava na nota) do sétimo ano. Por prevenção, iremos suspender as aulas até que tenhamos conhecimento do resultado desses exames. Conto com os professores e colaboradores da administração que tiverem aula amanhã para recepcionar os pais e explicarmos que iremos aguardar o resultado  dos exames que irão ser divulgados ainda essa semana. Precisamos manter a calma, nada de pânico ou desespero. Abraço a todos. Orem por essa criança e seus familiares.
 Mensagem do colégio professor Vanks

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo