DestaqueEspecial

Rondônia segue sem casos confirmados de Coronavírus

Mais de 30 casos foram considerados suspeitos

Com o objetivo de informar a população, combater publicações não oficiais (fake news) e tranquilizar os moradores acerca das ações implementadas pelos órgãos estaduais de saúde para o enfrentamento do Corona Vírus (Covid-19), o governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde de Rondônia (Agevisa) e a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), divulga os casos notificados em Rondônia.

Até o dia 15 de março não foi confirmado nenhum caso de Corona Vírus em Rondônia, mas foram 31 notificações no Estado, sendo que 10 casos notificados já foram excluídos e há 21 suspeitos, nos seguintes municípios: nove em Ariquemes, nove casos em Porto Velho, dois em Ji-Paraná e um caso em Vilhena.

A Agevisa esclarece que não há casos suspeitos em Cacoal, o que ocorreu foi falha no sistema de gerenciamento de dados, na captação das informações no sábado (14). Por meio do Centro de Informações Estratégicas da Vigilância em Saúde de Rondônia (Cievs), a Agevisa também detectou que três casos de Ariquemes constavam como de Porto Velho, para os quais os técnicos da área solicitaram correção.

A Agevisa também ressalta que os dados não são lidos e atualizados imediatamente pelo Ministério da Saúde, por isso há atraso (delay), no registro de casos que estão sendo acompanhados diariamente por equipes de saúde nos municípios.

Todos os casos notificados, até mesmo os excluídos estão sendo acompanhados pelo Centro de Informações Estratégicas da Vigilância em Saúde de Rondônia (Cievs).

O governo de Rondônia fará a divulgação diária contendo informações atualizadas sobre as notificações e casos em análise.

 

Fonte
Da assessoria

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo