DestaqueEspecial

Servidores da Semed estarão dispensados pelo período de suspensão das aulas

Decreto regulamentando a situação deve ser assinado ainda nesta segunda

A assessoria de comunicação da prefeitura informou por volta das 15h ao site Gazeta Amazônica que os servidores da educação poderão se ausentar do trabalho sem nenhum tipo de prejuízo pelo tempo em que os alunos da rede municipal de ensino estiverem sem aulas (inicialmente, como fora decidido em reunião nesta segunda-feira, 16, na Secretaria de Educação – Semed, as aulas estão interrompidas por 15 dias, inicialmente).

A medida é preventiva, de acordo com o município, uma vez que o segundo caso suspeito de coronavírus no município já foi detectado e está em análise. Todas as atividades e atendimento em grande volume de pessoas também estão temporariamente interrompidos por questões de segurança a fim de evitar proliferação.

O decreto regulamentando as novas medidas contra o coronavírus em Vilhena deve ser assinado ainda nesta tarde. Mais informações a qualquer momento.

Veja abaixo decreto do prefeito sobre o assunto:

Decreto do prefeito fala em apenas um caso suspeito, quando sua assessoria anunciou dois casos em Vilhena – foto: Reprodução\Divulgação

 

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo