Deu na WEB

DESESPERO: mulher que foi transferida com corona vírus para Manaus morre e família não consegue trazer corpo para RO

Irmão da vítima foi para capital amazonense reconhecer o corpo, porém levar de volta para Porto Velho porque a parente não constava na lista

A paciente Maria de França, 42 anos, foi transferida, no início desta semana, de Porto Velho para a cidade Manaus, no Estado de Amazonas, devido ao estado grave que se encontrava, após ter contraído a Covid-19, ela foi encaminhada pelo Governo de Rondônia.

Maria chegou na capital amazonense e foi entubada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) , do Hospital Delphina Rinaldi.

De acordo com o médico, ela estava precisando de 100% de oxigênio, pois o pulmão não estava mais respondendo, com isso a saturação baixou muito e ela teve uma parada cardíaca e morreu na última quarta-feira, 17.

Segundo a família, a paciente morreu na manhã de quarta e eles foram avisados no final da tarde do mesmo dia. Contudo, nessa mesma data, a Secretária de Saúde de Estado de Rondônia (Sesau), solicitou para um parente ir para Manaus reconhecer o corpo e retirar a certidão de óbito de Maria.

O escolhido pela família foi o irmão de Maria, Daniel Salles,, porém quando chegou a Manaus, no período da manhã, só conseguiu reconhecer o corpo da irmã no período da tarde. Após isso, a funerária chegou, mas levou corpo de uma outra paciente de Ji-Paraná, porque a irmão não constava na lista.

 

Fonte
Rondonia Aovivo

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo