DestaqueO dia

PRF apreende carga de pedra de fel avaliada em quase R$ 600 mil

Homem disse que percorre o país comprando mercadoria em frigoríficos

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Vilhena apreendeu na tarde desta segunda-feira, 20, um homem que transportava uma carga de pedra de fel avaliada em quase R$ 600 mil pela Receita Federal.

De acordo com as informações, o homem foi parado em abordagem de rotina e os policiais perguntaram o que havia nas diversas sacolas que estavam espalhadas pelo carro.

Ele então disse o que era e explicou que não tinha nota fiscal porque os frigoríficos não emitia documentação do produto.

Os policiais acharam estranho a situação e decidiram investigar mais a fundo. Um fiscal a Receita Federal foi chamado e constatou que pelo valor da carga, o homem deve pagar mais de R$ 150 mil em impostos devidos.

O homrm explicou, também, que percorre o país comprando o produto. Em sociedade com o irmão, que tem uma exportadora,  eles revendem a pedra de fel pra China, onde o valor de mercado é altíssimo.

As pedras só serão liberadas caso o homem pague os impostos necessário para transporte do material. Ele é morador do município de Presidente Prudente (SP) e há anos faz o percurso comprando as pedras. Esta foi a primeira vez que ele foi preso.

Homem terá que pagar impostos para retirar mercadoria – foto: Rômulo Azevedo/ Gazeta Amazônica

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo