DestaqueO dia

Coronavírus: primeira semana de alerta termina com sete casos suspeitos em Vilhena

Nenhum caso, no entanto, foi descartado pela secretaria de saúde

Nenhum novo caso suspeito de coronavírus (covid-19) foi identificado em Vilhena desde o último boletim, na sexta-feira, 20. Até as 16h deste sábado, dia 21, também não havia nenhum caso confirmado, nem descartado, de covid-19 no município, permanecendo o número de sete casos suspeitos no município.

Através do decreto n° 48.795, disponível no link www.bit.ly/DecretoComite, o Comitê Gestor Municipal de Enfrentamento ao Coronavírus de Vilhena determinou diversas medidas de segurança contra o covid-19 na cidade. O Estado e a União emitiram decretos com teor semelhante neste sábado, 21, e o Comitê está em reunião novamente para deliberar sobre possíveis alterações no texto já publicado.

Na tarde deste sábado a Secretaria de Estado de Saúde confirmou através de transmissão ao vivo pelo Facebook, mais dois casos confirmados de coronavírus em Rondônia, ambos na capital.

São dois homens, um de 35 anos e outro de 45 anos. Ambos são casos importados, ou seja, apresentaram sintomas após retornarem de viagem. Outro caso foi registrado durante a semana em Ji-Paraná, totalizando três confirmados em Rondônia.

Com o novo decreto publicado pelo Governo do Estado, o aeroporto de Vilhena fica proibido de receber voos com origem de quaisquer estados e países.

Uma mensagem do comitê alerta a cidade através de caminhão de som desde a manhã deste sábado, incentivando aos moradores para ficarem em casa, evitarem aglomerações e lavarem bem as mãos, bem como respeitar o decreto municipal que visa evitar a disseminação do vírus.

Avisos da Secretaria Municipal de Saúde orientam aqueles que retornarem de viagem para Vilhena que fiquem em isolamento durante 7 dias, caso não apresentem sintomas, e 14 dias, caso apresentem sintomas. Estes últimos, devem, ainda, comunicar a Prefeitura.

A Secretaria Municipal de Comunicação disponibilizou uma lista de transmissão com todas as notícias sobre o coronavírus em tempo real. Para receber as informações pelo celular basta enviar a palavra “Corona” para o WhatsApp de 3919-7081 e salvar este contato na agenda.

A Vigilância em Saúde também disponibiliza o número 3321-4338 para sanar dúvidas de todos que apresentarem sintomas de gripe.

DOV N 2936 - 21.03.2020 - Edição Extraordinária

 

 

 

Etiquetas

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Fechar