DestaqueO dia

PF prende 11 armas e armeiro que trabalhava de forma ilegal

Prisão foi em flagrante

Na tarde desta terça-feira, 21, na capital, Porto Velho, a Polícia Federal realizou a prisão em flagrante de um armeiro que prestava serviços de forma irregular.

Após uma denúncia anônima de que o armeiro comercializava armas ilegalmente, os policiais foram até o local para verificar a situação do estabelecimento, que funcionava sem a autorização da Polícia Federal e encontram 11 armas irregulares, sendo que a maioria delas de fabricação caseira.

De acordo com os policiais, além das armas, o local continha inúmeras peças utilizadas para manutenção, adulteração e fabricação de armas, além de munições.

O armeiro foi preso em flagrante pela prática do crime previsto no artigo 17 do Estatuto do Desarmamento, com pena prevista de 06 a 12 anos de reclusão.

A atividade de armeiro depende de autorização expressa da Polícia Federal e a manutenção de armas nesse tipo de estabelecimento configura crime, inclusive, podendo configurar o crime de comércio ilegal de armas de fogo.

Oficina onde armeiro trabalhava – foto: Divulgação

 

Fonte
Texto: Da Assessoria

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo