DestaqueEspecial

Hemocentro faz Campanha nesta semana em Cerejeiras; equipe de coleta estará na Escola Municipal Tiago Panatto

Com estoques de bolsas de sangue em baixa, o Hemocentro Regional de Vilhena realiza nesta semana, terça-feira (22) e quarta-feira (23), uma Campanha de Doação de Sangue no município de Cerejeiras.

Segundo a responsável pela Captação de doadores, a Assistente Social Michely Toledo, todos os tipos sanguíneos estão em situação critica. “Algumas tipagens estão quase  zeradas, necessitamos que a população compareça e doe”, afirmou.

A equipe estará atendendo na Escola Municipal Tiago Panatto das 08h às 19h na terça-feira e das 08h às 16h na quarta.

Saiba quem pode doar:

REQUISITOS PARA DOAR SANGUE

Estar em boas condições de saúde;

Ter entre 18 e 69 anos de idade;

Jovens entre 16 e 17 anos poderão doar acompanhados dos pais ou responsáveis legais;

Ter peso acima de 50 kg;

Estar alimentado, evitando alimentação gordurosa (aguardar três horas após o almoço);

Homem pode doar até 4 vezes ao ano, em intervalos de 60 dias (dois meses);

Mulher pode doar até 3 vezes ao ano, em intervalos de 90 dias (três meses);

Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas.

IMPEDIMENTOS TEMPORÁRIOS

Estar gripado, resfriado ou com febre; (aguardar 7 dias após o desaparecimento dos sintomas);

Infecção pelo novo coronavírus, (aguardar 30 dias após a completa recuperação).

Estar grávida ou amamentando;

Estar em tratamento médico;

Ter ingerido bebida alcoólica no dia da doação (12 horas);

Ter tatuagem feita há menos de um ano;

Ter feito endoscopia digestiva nos últimos seis meses;

Ter adquirido malária nos últimos 12 meses.

Funcionário da área da saúde que estão à frente da Covid estão inaptos para doação de sangue;

IMPEDIMENTOS DEFINITIVOS

Ter sido acometido por doença de Chagas;

Ter sido acometido por hepatite após os 11 anos de idade;

Ter sido exposto à situação ou comportamento que levem a risco acrescido para infecções sexualmente transmissíveis.

 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo