DestaqueO dia

Retorno das aulas ainda é incerto em Rondônia

Mesmo com a flexibilização do comércio, estudantes permanecem sem atividades tradicionais

Termina neste sábado, 25, o prazo determinado pelo Governador Marcos Rocha (sem partido) de suspensão das aulas em todos os municípios do estado de Rondônia. A equipe de reportagem da Gazeta Amazônica tentou contato com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) para saber se há, ou não, a pretensão da pasta em prorrogar a suspensão, ou até mesmo se haverá uma estratégia para um possível retorno.

Até o fechamento desta matéria, pessoas ligadas à Seduc na capital, Porto Velho, revelaram que ainda não havia um posicionamento definido sobre o assunto. Em Vilhena, membros da pasta explicaram que estão aguardando novo decreto e que possivelmente na segunda-feira,  27, é  possível  que haja algo definido.

A suspensão  das  aulas foi determinada  pelo governador  como um dos  meios  de evitar a proliferação do coronavírus no estado de Rondônia. Marcos Rocha disse diversas vezes que estuda uma possibilidade de flexibilização do decreto a fim de retomar a rotina do comércio, mas sobre as aulas ainda não há previsão.

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo