Especial

Em vistoria ao Hospital Regional, vereador constata que aparelho de Raio-X quebrou por falta de manutenção

Suchi entrou em contato com a empresa para saber o que de fato aconteceu com o equipamento

A equipe de reportagem do site Gazeta Amazônica entrou em contato com o vereador Carlos Suchi (Podemos) para saber detalhes acerca da vistoria que ele realizou nesta quarta-feira, 23, nas instalações do Hospital Regional de Vilhena.

Segundo o vereador, um dos focos da sua visita foi acompanhar o desdobramento relacionado ao conserto do aparelho de Raio-X de última geração, que está no local há pouco mais de um ano (relembre AQUI) e que voltou a funcionar a poucos dias depois de quase uma semana parado.

Suchi relatou que entrou em contato com a empresa que faz a assistência técnica do equipamento e ele foi informado que os reparos irão custar aos cofres públicos R$ 16 mil. “Conversei com o técnico que esteve em Vilhena para checar o Raio-X. Ele disse que o equipamento não teve manutenção adequada tendo em vista a quantidade de procedimentos que realiza. Ainda assim é possível recuperá-lo, porém o custo é alto”, explicou o vereador.

O aparelho de Raio-X que está parado no Regional é fruto de emenda do Senador Acir Gurgacz (PDT) e é um dos mais modernos do mercado, pois é um equipamento digital que oferece maior qualidade no resultado. “Vamos continuar a fiscalização e agora vamos cobrar o reparo correto da máquina para que isso não volte a acontecer”, frisou.

Visita ao hospital

Ainda em conversa com o vereador a respeito de sua vistoria na unidade de saúde, Suchi apresentou uma informação importante: “O diretor da unidade, Faiçal Akkari, me garantiu que as prateleiras da unidade de saúde estão completamente abastecidas de medicamento, e isso me deixou muito contente. Ele me disse, ainda, que podemos cobrá-lo a qualquer hora caso haja alguma reclamação de falta de medicamentos”, destacou o parlamentar.

 

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo