DestaquePolítica

Vera da farmácia anuncia construção de sede própria do CAPS em Vilhena

Projeto surgiu através de empenho da parlamentar, que conquistou recurso junto ao Governo Federal

A vereadora Vera da Farmácia comemorou nesta quarta-feira, 25, a consolidação de mais uma fase do projeto que garante a construção de uma sede para o Centro de Atenção Psicossocial (CAPs) em Vilhena, projeto de sua autoria e que vai contar com aporte financeiro de mais de R$ 1.3 milhão, sendo que R$ 800 mil são oriundos do Governo Federal, recurso conquistado pelo então senador Valdir Raupp (MDB) a pedido da vereadora vilhenense. O restante será contrapartida do próprio município.

Você pode ler mais sobre o assunto aqui.

Na manhã desta quarta, os vereadores aprovaram o projeto de lei número 5.836/2020, o qual autoriza o poder executivo a abrir crédito adicional suplementar no orçamento programa da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) para a construção da sede. Em conversa por telefone com a equipe de reportagem da Gazeta Amazônica, a vereadora relembrou todo empenho de seu trabalho voltado à consolidação de uma política pública voltada aos cuidados com a saúde mental.

Vera destacou que a depressão é uma dos maiores males do novo século e que vem causando um grande estrago nas famílias. “Proporcionar estrutura de trabalho adequada aos profissionais deste setor é o primeiro passo que o município dá para investir na melhoria da saúde mental da comunidade, que terá um espaço saudável para buscar seu equilíbrio e novos rumos à sua vida, um local onde as pessoas poderão encontrar um caminho seguro para seguir”, disse.

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo