Cultura e entretenimentoDestaque

Quer fazer um investimento de baixo risco e que rende mais que a poupança?

A interação social é fator preponderante para o seu desenvolvimento pessoal

Quer fazer um investimento de baixo risco e que rende mais que a poupança?

E que ainda te oferece possibilidades de apoio nos momentos de crise e infinitas oportunidades de desenvolvimento pessoal?

Então, está na hora de você aprender a investir na sua rede de suporte social.

Você já deve ter percebido que nós seres humanos somos altamente dependentes desde o nosso nascimento. Não é à toa que temos a infância mais longa entre todas as espécies, pois diferente de todos os outros, nós somos seres sociais.

Isso significa que embora em nossa sociedade capitalista muitas pessoas tenham deixado de priorizar as suas interações sociais, seja por falta de tempo ou porque desconhecem sua importância, é possível afirmar com propriedade que nenhum ser humano tem condições de sobreviver se estiver sozinho, pois é somente nas relações que estabelecemos com as pessoas da nossa família, do trabalho, da escola e da nossa comunidade que podemos construir as nossas memórias, a nossa personalidade e nos desenvolvermos como seres humanos.

Quando interagimos com as pessoas que amamos, vivenciamos momentos de bem-estar subjetivo, pois temos uma sensação de pertencimento, nos sentimos amados, cuidados, protegidos, dividimos a nossa vida e as nossas preocupações. Encontramos ajuda para enfrentar os estressores, as mudanças e crises que seriam muito mais difíceis de serem enfrentadas sozinho.

Existem diversos estudos que comprovam que pessoas que possuem um maior suporte social, tem menores índices de depressão e de transtornos emocionais, pois quando nos relacionamos evitamos o isolamento social e a solidão que são fatores muito significativos para o desenvolvimento desses quadros. Ou seja: quanto mais você interagir com as pessoas ao seu redor mais protegido você estará.

Agora que você já sabe que investir na qualidade das suas relações é elemento essencial para preservar a sua saúde mental, que tal preparar um chimarrão e bater um papo com a sua vizinha? Fazer uma visita para alguém que você não vê a algum tempo ou ligar para uma amiga distante?

Às vezes é necessário desacelerar para conseguir enxergar aquilo que dinheiro nenhum pode comprar.

 

Etiquetas

Diene Nepomuceno

Diene Nepomuceno. Graduada em psicologia e especialista em Terapia Cognitivo- Comportamental. Apaixonada pela sua profissão, tem se dedicado a ajudar as pessoas a transformar suas vidas por meio do autoconhecimento.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar