DestaquePolítica

Governador pede benefício aos profissionais da linha de frente; prefeito de Vilhena permanece irredutível sobre projeto semelhante

Eduardo Japonês criou inúmeras expectativas para os servidores

Bem diferente do prefeito Eduardo Japonês (PV) o governador de Rondônia, Marcos Rocha (sem partido) encaminhou à Assembleia Legislativa (ALE-RO) projeto de lei parar criar indenização aos servidores estaduais da saúde e da segurança que estão na linha de frente do combate ao coronavírus.

O valor, de acordo com justificativa do chefe do poder executivo estadual, tem como finalidade contribuir com a redução das despesas extras destes profissionais por assumir os custos e o ônus por redobrar os cuidados com a saúde pessoal e familiar neste momento de pandemia.

Se a proposta for aprovada pelos deputados, irá vigorar pelo tempo em que o estado estiver no combate à pandemia.

Em Vilhena, o prefeito Eduardo Japonês simplesmente rechaçou a proposta em um vídeo divulgado pelas suas redes sociais, isso porque a ideia surgiu no município através do vereador Subtenente Suchi (Podemos) que realizou diversas críticas contra o prefeito ao longo do mandato.

Proposta de pagamento do benefício surgiu do vereador Carlos Suchi – foto: Arquivo

Suchi propôs o pagamento de R$ 1 mil aos servidores da saúde durante o curso da pandemia. A jornalistas, ele disse que este é o valor que gostaria que fosse pago aos trabalhadores, mas que aceitaria discutir com o município e os representantes da categoria um valor menor, desde que fosse justo.

No Estado, o valor da indenização é de R$ 300, porém o número de servidores é muito maior do que no município de Vilhena e a proposta prevê o benefício para suas grandes categorias.

 

 

 

Rômulo Azevedo

Jornalista e graduado em Marketing, atua na comunicação desde 2006. Especialista em Jornalismo on-line, com experiência em Assessoria de Comunicação e Marketing. Está na Gazeta Amazônica em busca de novas formas de se fazer Jornalismo em Rondônia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo