Destaque

Mulher é morta após ter casa invadida em área rural de Vilhena; marido fingiu morte para escapar de criminosos

Uma mulher  foi morta a facadas por criminosos durante um latrocínio (roubo seguida de morte) e o esposo vítima de uma tentativa de homicídio na madrugada desta quinta-feira, 29, em sua residência, na linha 135, na área rural de Vilhena.

De acordo com preliminares, dois homens invadiram que invadiram a residência. Eles anunciaram o assalto e, em determinado momento a proprietária da casa reagiu e foi esfaqueada pelos criminosos, morrendo no imóvel.

Em seguida, a dupla esfaqueou o dono da residência, que se fingiu de morto para conseguir escapar da agressão dos criminosos.  Após, o crime, os criminosos pegaram a motocicleta do casal e fugiram do local.

Uma equipe da Polícia Militar foi ao local e o Corpo de Bombeiros, que socorreu o dono casa para o Pronto Socorro do Hospital Regional de Vilhena.

A Polícia Técnica Cientifica (Politec) esteve também no local para a perícia. O caso foi na Unidade Integrada de Segurança Pública (UNISP) de Vilhena, para medidas aplicáveis pela Polícia Civil.

Fonte
Redação

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo